AUTENTICAR

Comunicação é comunicar!

         - Identificação com o interlocutor

          - Ato de amor

          - Envolvimento para a inovação e criatividade

Mahatma (grande alma) Gandhi (1869-1948), líder de mais de 250 milhões de hindus, foi um excelente comunicador, porque soube utilizar todas as regras e elementos da comunicação, identificando-se em tudo com o seu povo: na forma de trajar, na aparência, no cajado, no cabelo rapado, no modo como se alimentava, nos pés descalços, no discurso simples, fluente e cativante. Ele estava perto dos hindus, por isso lhes vendeu o seu pensamento, arrastou multidões para a sua causa, fez uma revolução cultural no seu país, com repercussões mundiais, tornando a sua mensagem naquilo a que ROBERTS (2005) chamaria de ato de “amor”. Gandhi não é um mestre apenas para políticos e religiosos, ele deve ser o inspirador dos gestores do novo século, para implementarem nas suas empresas autênticos modelos de comunicação.

Podendo parecer, à primeira vista, algo fácil e instintivo, comunicar eficaz e eficientemente requer grande atenção à mensagem, composta por uma multiplicidade de fatores responsáveis pela criação de conexões emocionais com o destinatário, pois se este não for “tocado” significa que não houve sintonia.

Escolher bem os meios para estabelecer ambientes agradáveis e empáticos, expressar experiências vividas ou a viver são princípios a ter em conta, pelo que não podemos descurar as características da linguagem do meio a utilizar, a audiência a influenciar e toda a envolvente humana e espacial.

Gestão é comunicação porque, se aplicada de forma eficaz, ativa a rapidez na decisão, impulsiona a fazer melhor e mais com menos, porque quem lidera responsabiliza, e quem responsabiliza recebe o troco em envolvimento para a inovação e criatividade, cada vez mais exigidas às PME nacionais. 

Ler também:

Paula Arriscado

Diretora de Comunicação e Marketing da Toyota Portugal (Grupo Salvador Caetano)

Docente no IPAM

Doutoramento em Gestão de Marca e Comunicação Integrada


Docente no IPAM, no Mestrado em Gestão de Marketing e Licenciatura Ciências do Consumo.

Possui Doutoramento em Gestão de Marca e Comunicação Integrada, pela Universidade de Santiago de Compostela (2008) e a Licenciatura em Jornalismo.

De 1991 a 2000, colaborou em vários Órgãos de Comunicação Social, destacando-se a Rádio Nova, a TSF e a Revista Máxima.

Desenvolveu paralelamente uma vasta atividade na área da Comunicação Empresarial (Associação Empresarial de Portugal/Exponor, câmaras municipais de Esposende e Arcos de Valdevez, Associação dos Industriais Metalúrgicos, Metalomecânicos e Afins de Portugal, APCER, Porto Editora, entre outras)

Foi eleita “Profissional de Marketing do Ano 2005 no Sector Automóvel”, pela APPM.

Integra o Júri em processos de obtenção do título de Especialista para Docência no Ensino Politécnico, no âmbito do consórcio estabelecido entre o IPAM, a Universidade do Porto e Universidade de Coimbra.

Linkedin

Deixe um comentário

Certifique-se que coloca as informações (*) requerido onde indicado. Código HTML não é permitido.